• Global
  • Video
  • Gallery
  • World News
  • Sports
  • Navigation

    Copa Libertadores da América de futebol feminino será disputada de 5 a 16 de novembro no interior de São Paulo


    A cidade de São José dos Campos, no interior de São Paulo, se prepara para destinar três campos para a disputa da Copa Libertadores da América de futebol feminino. O torneio sul-americano será disputado entre os dias 5 e 16 de novembro na cidade. O principal estádio do município é o Martins Pereira, que vai receber os jogos da equipe da casa. Todas as partidas da Libertadores terão entrada gratuita. A tabela de jogos ainda não foi divulgada pela Conmebol.

    Três times brasileiros estão confirmados na disputa: São José e Centro Olímpico, de São Paulo, além do Vitória-PE. A Libertadores 2014 será formada por 12 equipes, que se dividem em três grupos com quatro times cada. Após turno único, classificam para a semifinal os primeiros colocados de cada chave, além do melhor segundo colocado geral. 
    Eliminado do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, o São José volta suas forças para a Libertadores e também com os olhos no Mundial de Clubes, que será no Japão (saiba mais).

    - Estamos trabalhando forte com os objetivos traçados. A Libertadores em casa é uma oportunidade e tanto. Vamos lutar pelo tri. E o Mundial no Japão será uma oportunidade única, pela primeira vez um clube brasileiro disputa o Mundial. Então estamos muito animados e ansiosos para as duas competições internacionais - contou o técnico Adilson Santos.

    O São José é o atual campeão da Libertadores. A equipe também conquistou a América em 2011. Em 2012 o título ficou com o Colo-Colo, do Chile. As duas primeiras edições da Libertadores foram conquistadas pelo Santos, que hoje não tem mais time de futebol feminino. Caso conquiste a Libertadores pela terceira vez, o time de São José dos Campos será o maior campeão da história do torneio.

    São José segue trabalhando e escrevendo seu nome na história do futebol feminino. A cidade vem se preparando para mais uma Libertadores e desta vez teremos não só o estádio Martins Pereira, como mais dois campos menores como sedes da Libertadores - contou o coordenador do São José, Gustavo Assad.
    Share
    Banner

    Deixe seu comentário