Author Details

#
Navigation

Vai começar a decisão do Brasileiro 2014


A Primeira partida da decisão acontece hoje quarta-feira, 19, às 16h30, no Estádio Macieirão, em Fraiburgo.

Kindermann/Uniarp/Adami e Ferroviária, de Araraquara, iniciam nesta quarta-feira, 19, a decidir o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. O jogo, em Fraiburgo, será recheado de estrelas da seleção brasileira. Pelo lado caçadorense foram convocadas as jogadoras Camila, Bárbara e Andressinha, que está suspensa. Pela equipe de Araraquara estão convocadas Luciana, Tayla, Mônica, Maurine, Thaísa e Raquel.

Para o diretor Salézio Kindermann o fato de tantas jogadoras de seleção estarem em campo deverá proporcionar ao público catarinense um grande jogo. “Além das nove convocadas, temos jogadoras como a Djeni, que retorna de suspensão, e já vestiu a camisa da seleção principal e, logo, voltará a ser convocada. Então teremos um belo espetáculo e o torcedor que for até o Macieirão ficará satisfeito”, declarou.

O técnico Marcello Frigério definirá a equipe que iniciará o jogo diante da Ferroviária apenas no treino da véspera do jogo. Os ingressos para a partida custam R$ 5,00.

Esta é a primeira vez que a Ferroviária disputa o Brasileirão. No entanto, há 31 anos, a equipe masculina da Ferroviária disputou o torneio pela primeira e última vez, ficando com a 12ª colocação. No elenco de 1983, o então jogador Douglas Onça, hoje no comando do time feminino. “É uma emoção muito grande chegar à final de um campeonato nacional tão importante e de poder decidi-lo em casa. Fico muito feliz de poder disputar o Brasileiro mais uma vez, depois de tantos anos. Vamos fazer de tudo para trazer mais esse título inédito para o esporte de Araraquara”, diz Onça.

A Ferroviária chega à final invicta, com a melhor campanha: foram 12 jogos, 8 vitórias, 4 empates e 37 gols. O Kindermann teve 8 vitórias, 3 derrotas, 1 empate e 25 gols.

A escalação grená já foi definida: Luciana no gol; Daiane, Géssica, Marina e Monica na defesa; Thaisa, Bia e Maurine no meio de campo; Rafaela Travalão, Raquel e Adriane Nenê no ataque.
Quem desfalca a AFE na primeira partida da final é atacante Paula, que cumpre seu segundo jogo de suspensão como punição pelo cartão vermelho tomado na última partida contra o Pinheirense. Ela ficou de fora da primeira partida da semi contra o Botafogo, mas participou da segunda, pois seu caso ainda não havia sido julgado. Já Tayla é uma opção para Douglas Onça. Recuperada da lesão que a deixou fora da Seleção, a zagueira fica à disposição no banco de reservas.

Share
Banner

Deixe seu comentário