Author Details

#
Navigation

Assermurb pode obter vaga na Copa do Brasil de Futebol Feminino no STJD

Foto: Reprodução/TV Acre
Após a dolorosa derrota por 1 a 0 para o Genus pela Copa do Brasil de Futebol Feminino e a eliminação da competição nacional, no dia 11 de fevereiro, a Assermurb pode ter um fio de esperança de seguir na disputa. Isso porque a CBF encaminhou denúncia ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para julgamento de possível escalação irregular de três de jogadoras da equipe rondoniense. A Federação de Futebol do Acre (FFAC) foi informada sobre o caso, que ainda não tem data de julgamento marcado.

- Foi constatado na súmula, denunciado e a CBF encaminhou para o STJD para o julgamento da irregularidade. Ainda não foi marcada a data. Recebi da CBF a comunicação que a denúncia foi enviada ao tribunal. Essa denúncia é natural. A súmula do jogo é encaminhada online para a CBF, que verifica a relação das atletas e se estão regularmente inscritas. Se não estiverem, é feita a denúncia ao STJD - explicou o presidente da FFAC, Antônio Aquino Lopes.

O dirigente acredita que a novidade pode colocar de volta o time acreano na Copa do Brasil de Futebol Feminino. E ressalta que, enquanto a decisão do STJD não sair, a competição fica paralisada.

- É muito grande a possibilidade de a Assermurb continuar. Eles (Genus) vão ter direito de defesa, mas não acredito que tenham sucesso. Enquanto isso, a Copa do Brasil de Futebol Feminino está suspensa. Enviaram o documento informando que o jogo entre Genus e União Desportiva-AL está suspenso até a decisão do STJD - completou.

A Assermurb perdeu para o Genus, no estádio Florestão, por 1 a 0, após empate por 1 a 1 em Rondônia, no jogo de ida. O gol do triunfo rondoniense causou polêmica. As atletas da Assermurb alegam que a bola não entrou, mas o lance foi validado pela assistente de arbitragem Roseane Amorim.

Via G1
Share
Banner

Deixe seu comentário