Navigation

Vadão avalia participação da Seleção Brasileira na Copa Algarve


A Seleção Brasileira Feminina encerrou sua participação na Copa Algarve nesta quarta-feira. Foram quatro jogos com duas vitórias - sobre a Suécia e a Suíça -, um empate - com a China - e uma derrota - para a Alemanha. O Brasil marcou sete gols e sofreu quatro. 

Quando foi confirmada a participação do Brasil na competição em Portugal, o técnico da Seleção Feminina, Vadão, sabia que seria uma grande oportunidade de medir o nível em que sua equipe estaria em relação às demais.

- A Copa Algarve faz parte de nossa preparação para a Copa do Mundo no Canadá em 2015. Sabíamos que enfrentaríamos grandes seleções, como a Suécia e a Alemanha.

Vadão sabe que há muito o que melhorar até a disputa do Mundial - de 6 de junho a 5 de julho no Canadá - e este torneio serviu para saber quais serão os próximos passos nos treinamentos.

- No confronto contra a Alemanha, fomos muito pressionados e não tivemos espaço para o nosso estilo de jogo, que é principalmente o toque de bola. Temos que trabalhar as bolas longas, por exemplo, em uma partida como a que tivemos contra as alemãs, esta pode ser uma solução.

A vantagem da Seleção Brasileira é a seleção permanente. Ao retornar para o Brasil, a delegação terá quatro dias de folga e já reiniciam os trabalhos.

- Com a seleção permanente teremos tempo suficiente para trabalhar nas falhas que tivemos na Copa Algarve e chegarmos muito fortes na Copa do Mundo. 

Antes do Mundial, a Seleção enfrentará a Alemanha em um amistoso no dia 8 de abril em Fürth.

Assessoria CBF
Compar.
Banner

Comente: