• Global
  • Video
  • Gallery
  • World News
  • Sports
  • Navigation

    Reforços chegam para ataque e zaga da Ferroviária


    Priscila já fez sua estreia; Kemily treina, entrosada, com a equipe grená
    A Ferroviária tem dois novos reforços em seu elenco: a atacante Priscila Bittencourt e a zagueira Kemily Matias.  As atletas chegam para atuar em setores da equipe que sofreram com a perda de atletas para a Seleção Brasileira e para times norte-americanos.
    Com histórias bastante diferentes, ambas querem ajudar o time, conquistar espaço e se destacar pelo futebol mostrado em campo.
    Ao chegar a Araraquara, Priscila, de 21 anos, inicia uma nova etapa de sua carreira. Ela jogava, desde 2007, em um mesmo clube, o Esmac, de Belém, Pará. Campeã estadual pela equipe por nove vezes, disputou a Copa do Brasil deste ano pelo Tuna Luso-PA. “Há anos recebia propostas para sair de Belém, e nunca quis. Mas agora chegou a hora. A Ferroviária é uma grande equipe e tem grandes atletas em seu elenco”, diz. Priscila fez sua estreia no último jogo grená, contra o XV de Piracicaba.
    Kemily Matias, de 24 anos, veio do Vitória de Santo Antão, Pernambuco, onde jogava desde 2014, ano em que disputou a Libertadores da América. Ela já passou por times como São Caetano, Atlético Mineiro, Palmeiras e Foz Cataratas e agora retorna para onde tudo começou: a zagueira iniciou sua carreira na Ferroviária, em 2006, e ficou até 2008. Na época, conciliou futebol de campo e futsal, quando conheceu o técnico Leonardo Mendes. “Eu queria muito voltar. Chego mais madura e para jogar com um treinador que me acolheu e em quem confio. A equipe é muito boa, estou exalando felicidade”, conta.
    Share
    Banner

    Deixe seu comentário