• Global
  • Video
  • Gallery
  • World News
  • Sports
  • Navigation

    FUTSAL FEMININO NO "DRIBLANDO A VIDA"

    Cecília Vidal, Thainá Dias, Maria Luiza e Beatriz Nunes. Foto Petra Mafalda
    Em Florianópolis aulas de futebol gratuitas atendem alunos e comunidade na Escola João Gonçalves Pinheiro.

    Com apenas 11 anos, Maria Luiza já demonstra intimidade com a bola de futebol.  O coração bate mais forte quando entra nas famosas peladas.

    A habilidade da jovem é notável pelos dribles e passes que arrisca no meio dos jogos com os colegas. Entendedora das regras, repudia a violência no esporte e faz valer seus conhecimentos técnicos. 

    A paixão pelo esporte é coisa séria e  levou a estudante do 5º ano da  Escola Básica Municipal João Gonçalves Pinheiro, no Rio Tavares, a integrar no ano passado o projeto ‘Driblando a Vida’. Com o apoio da Prefeitura de Florianópolis,  a iniciativa é do Instituto Lagoa Social, que atua na unidade desde 2009, disponibilizando aulas de futebol gratuitas para meninos e meninas.

    Com a bola nos pés, hoje, a estudante comemora a inauguração da reforma do ginásio de esportes da escola, que continuará sendo palco do projeto.

    Ao lado das amigas Thaina Dias, Cecília Vidal e Beatriz Nunes, todas com 11 anos, Maria Luiza comenta o que achou das melhorias no local.

    “Ficou tudo muito bonito. O ginásio é utilizado por todos nós e também pela comunidade, através projeto. Estou muito feliz por poder voltar a jogar aqui”, comenta.

    Do grupo, apenas Maria e Thainá participam do Driblando a Vida, mas Cecília e Beatriz também querem entrar na equipe.
      
    Para o quarteto de meninas, há dois ídolos no futebol: Marta, jogadora da seleção brasileira feminina; e Neymar, que também veste a camisa amarela nacional, além de atuar pelo Barcelona, time espanhol.

    Ricardo Medeiros
    Assessoria de Imprensa
    Secretaria Municipal de Educação
    Share
    Banner

    Deixe seu comentário