Foto: Arthur Marega Filho/ São José Futebol Feminino
A quarta edição do Brasileirão Feminino 2016 encerrou no dia 20 de maio e coroou o Flamengo, campeão pela primeira vez na competição. Nos três meses de bola rolando, 98 jogadoras balançaram as redes por 211 vezes, sendo três contra, em 70 partidas disputadas. Confira os números individuais e das equipes abaixo:
A goleadora
Millene Karine Fernandes, do Rio Preto, consagrou-se artilheira da competição com 10 gols marcados em 14 jogos. Logo na primeira partida do Jacaré na competição, a meia fez dois gols na vitória por 4 a 0 sobre o Vasco da Gama. A goleadora assumiu a liderança da artilharia na rodada de abertura da segunda fase contra o Ferroviária. Com faro de gol apurado, Millene marcou os três gols da partida. A última vez que a jogadora balançou as redes foi na partida de volta da semifinal contra o São José. Millene foi autora do único gol da partida e que classificou o Rio Preto na final.
A artilheira está na lista com 23 jogadoras convocadas pela técnica Emily Lima para vestir a camisa da Seleção Brasileira no Torneio Internacional de Manaus, que acontece entre os dias 7 e 18 de dezembro.
Confira as principais artilheiras da competição:
1º Millene - Rio Preto - 10 gols
2º Larissa - Flamengo - 8 gols
3º Byanca Brasil - Corinthians - 7 gols
    Gabriela - Corinthians - 7 gols
4º Paula - Ferroviária - 6 gols
    Ludmilla - São José - 6 gols
5º Pamela - Flamengo - 5 gols
Força do ataque
A prioridade numa partida é marcar gols, pelo menos na maioria das vezes. E não importa como as 98 jogadoras distintas colocaram 211 bolas nas redes, o importante é que elas buscaram a meta para ajudar suas equipes. Mas o futebol é uma modalidade surpreendente e que gosta de desafiar números e estatísticas, caso deste Brasileirão. O melhor ataque da competição ficou com o Rio Preto, vice-campeão. O terceiro melhor ficou com o Corinthians, eliminado na Segunda Fase. Com o mesmo número de tentos nas redes que o Timão, o Flamengo sagrou-se campeão.
Confira o ranking dos clubes que mais balançaram as redes nesta edição:
1º Rio Preto - 27 gols
2º São José - 26 gols
3º Corinthians - 23 gols
    Flamengo - 23 gols (Campeão)
4º Ferroviária - 21 gols
5º Foz Cataratas - 15 gols
6º Iranduba - 13 gols
7º São Francisco - 9 gols
    Vitória-PE - 9 gols
8º Pinheirense - 8 gols
9º Caucaia - 7 gols
    Santos - 7 gols
10º Vitória-BA - 5 gols
11º Portuguesa - 3 gols
     Tiradentes - 3 gols
     Vitória-MA - 3 gols
12º América-MG - 2 gols
     Duque de Caxias - 2 gols
13º Adeco - 1 gol
     Vasco da Gama - 1 gol
Faro de gol
Ao longo da competição diversas jogadoras se destacaram pela responsabilidade, confiança, frieza e oportunismo na hora de colocar a bola no fundo da rede. Alegria para a torcida e satisfação da equipe que conta com a pontaria afiada de suas atletas. Levando em conta gols marcados por diferentes jogadoras, listamos os clubes que contaram com mais de seis artilheiras.
1º São José - 11 jogadoras
2º Corinthians - 10 jogadoras
3º Ferroviária - 9 jogadoras
     Rio Preto - 9 jogadoras
4º  Flamengo - 7 jogadoras
5º Foz Cataratas - 6 jogadoras
     Iranduba - 6 jogadoras
     Vitória-PE - 6 jogadoras
Assessoria CBF
Compartilhe:
Liga Feminina

Futebol Feminino do Brasil

Rua dos Coqueiros Verdes, 75/02 Cachoeira do Bom Jesus CEP: 88056-505 Florianópolis Santa Catarina Brasil Fone (48) 8447-6086 e-mail : editorresponsavel@gmail.com.