• Global
  • Video
  • Gallery
  • World News
  • Sports
  • Navigation

    ADAPTAÇÃO AO FUSO HORÁRIO DE SIDNEY

     Foto: Fernanda Coimbra/CBF
    A programação do primeiro dia da Seleção Brasileira Feminina em Sydney, na Austrália, foi um pouco diferente das outras viagens para amistosos. O dia foi de adaptação ao fuso horário que é de 13 hora à frente. Para isso, a comissão técnica traçou a estratégia de tirar as atletas da cama e levá-las para passear.

    Pela manhã, os integrantes da comissão técnica e as jogadoras que chegaram no domingo (10) à noite – Djenifer, Letícia Izidoro, Dani, vindas do Brasil, e Gabi Zanotti, da China – fizeram uma caminhada pelo entorno do hotel.

    À tarde, com Cristiane e Rafaelle chegadas também da China, e Bia, da Coreia do Sul, o grupo foi ao centro de Sydney para conhecer monumentos históricos: o Opera House e a Harbour Bridge. 

    – O nosso objetivo com a caminhada e o passeio foi de manter as atletas acordadas durante o dia, para que elas possam se adaptar o mais rápido ao fuso e terem uma boa noite de sono. Temos pouco tempo até os jogos e dormir bem é muito importante para que elas estejam prontas para as partidas – explicou o preparador físico Jairo Porto.

    Os jogos entre Brasil e Austrália serão nos dias 16 e 19 de setembro no Pepper Stadium e McDonald-Jones Stadium, respectivamente. 

    Nesta terça-feira (12), às 15h (2h de Brasília), a Seleção fará seu primeiro treino em Sydney, no Popondetta Park. 

    Assessoria CBF
    Share
    Banner

    Deixe seu comentário