• Global
  • Video
  • Gallery
  • World News
  • Sports
  • Navigation

    ROSANA VESTE A CAMISA DO INTERNACIONAL DE PORTO ALEGRE

    Foto: Divulgação / Inter
    Depois de uma longa parada de mais de um mês, as Gurias Coloradas voltam a campo pelo Gauchão Feminino neste domingo (24/09). A partir das 15h, no estádio da PUCRS, o compromisso da equipe feminina do Inter será encarar o Estrela. Será a terceira partida do Internacional na competição estadual. E marcará um reencontro de luxo. A meio-campista Rosana, 35 anos, recém chegada de uma série de amistosos na Austrália, com a Seleção Brasileira, voltará a vestir a camisa colorada depois de 14 anos. Reforço das Gurias Coloradas para este Gauchão, a jogadora paulista desembarcou na manhã nesta sexta-feira (22/09) em Porto Alegre.

    Rosana, que tem no seu currículo nada menos do que duas medalhas de ouro em Jogos Pan-Americanos (Santo Domingo e Rio de Janeiro), duas medalhas de prata nos Jogos Olímpicos de Atenas e Pequim, além do vice-campeonato mundial, em 2007, na China, começou sua carreira como jogadora adulta justamente no Internacional, entre os anos de 2001 e 2003. E aqui conquistou o Gauchão. Agora ela retorna para reaver o título com a nova geração das Gurias Coloradas, e traz mais do que a experiência com a camisa “amarelinha”. A meio-campista já conquistou os dois principais títulos possíveis em clubes: a Champions League, pelo Lyon, e o Mundial de Clubes, pelo São José–SP.

    Quando passou pelo Internacional, Rosana teve entre as companheiras de time justamente a sua atual técnica, Tatiele Silveira. Agora, o momento das duas é diferente.

    “A Rosana traz uma bagagem fantástica para compartilhar conosco, ainda como atleta. E eu, vivendo o momento do início de carreira como treinadora. Vai ser muito positivo para todas nós. É uma jogadora que vai somar às nossas meninas experiência, qualidade técnica e confiança”, avalia a treinadora.

    Mas a equipe de Tatiele está longe de ficar limitada à estrela recém chegada. As Gurias Coloradas entram em campo para defender a liderança do grupo. Até agora, foram duas partidas disputadas pelo estadual, com duas vitórias: 1 a 0 sobre o próprio Estrela, na estreia, e 4 a 1 no Ijuí, no dia 20 de agosto. O Estrela, por sua vez, vem de uma derrota em casa, contra o Ijuí, mas já somou seus três primeiros pontos no Gauchão ao baterem o Guarani, de Lajeado, por 1 a 0 no clássico local. O confronto com o Internacional será vital para o time do interior.

    “Aproveitamos esse período grande sem jogos para ajustarmos as falhas cometidas nos dois primeiros jogos e solidificar a nossa forma de jogar. Além disso, foi muito importante para recuperar fisicamente algumas atletas”, afirma a treinadora Tatiele Silveira.

    O fato das adversárias já serem bem conhecidas, para Tatiele, é um motivo a mais para a equipe buscar a vitória em casa.

    “Sabemos a qualidade do Estrela e a forma como elas jogam, mas estaremos em casa e diante dos nossos torcedores. Diferente da primeira partida, nosso objetivo agora é sermos mais efetivas nas oportunidades criadas”, diz.

    Uma diferença em relação ao primeiro confronto, pelo menos, a treinadora já sabe que terá. Naquela ocasião, depois de muita chuva, o campo estava completamente embarrado e houve muito pouca bola rolando. Na PUCRS, a qualidade do gramado é um aliado das Gurias Coloradas.

    Compareça e apoie as Gurias Coloradas! A entrada é 1kg de alimento não-perecível.

    Via Inter Oficial
    Share
    Banner

    Deixe seu comentário