Foto: Reuters
A seleção brasileira feminina já respira outros ares e a esperança voltou a brilhar nos caminhos da seleção, a CBF após a demissão de Vadão, acertou com Pia Sundhage, sueca de 59 anos que tem em seu currículo o titulo de  bicampeã olímpica com os Estados Unidos e estava dirigindo a categoria sub-16 de seu país. A confederação irá fazer o anúncio oficial nas próximas horas, e a treinadora terá no cargo uma atuação abrangente, desde as categorias de base.


Post A Comment: