A segunda-feira (22) foi marcada por uma notícia muito importante para o futebol feminino do Brasil, o Presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo tomou a decisão de demitir Vadão do cargo de técnico da seleção brasileira feminina. Atual coordenador de futebol feminino, Marco Aurélio Cunha continua na CBF, mas sua função está em discussão.

A decisão do presidente aconteceu um mês depois da eliminação para a França nas oitavas de final da Copa do Mundo.

Post A Comment: